quarta-feira, 9 de setembro de 2009

Caos na cidade...


Acho que todo mundo tem aquele dia em que o melhor a fazer é nem colocar os pés fora de casa...se possível ficar dentro do quarto que é para não correr riscos.
Pois então, esse dia pra mim foi hoje!!! Hehehehehe

Ontem acordei com um dia maravilhoso, quente e com toda pinta de “vai dar sol em Sampa”...Felizinha da vida me arrumei toda “bunitinha” para o trabalho
E de repente o que estava com cara de “vai dar sol em Sampa”, se transforma em dilúvio!!!
Pedrão apagou todas as luzes do céu, e mandou ver em raios, trovões, e água, muita água. E eu no meio da trânsito, pedindo pra chuva parar (eu não gosto de dirigir com chuva)e tão tensa que nem o rádio eu liguei! Até aí, beleza pois eu estava “protegida” dentro do carro, só que quem me lê há algum tempo sabe bem que a combinação Alê Barros + Chuva = algo de errado...rs
E lembram que lá em cima eu escrevi que estava todo “bunitinha” né?
Mas foi só eu pisar para fora do estacionamento, abrir o mega guarda-chuva (ainda tem hífen?) pra chuva triplicar...
Voltei pra trás, esperei um pouco, e quando ela passou, lá fui eu em direção ao trabalho.
Eu me senti igual aqueles desenhos que a nuvenzinha chove só na nossa cabeça...porque eu parava, a chuva melhorava, eu resolvia andar, a chuva aumentava.
Até aí eu ainda estava no meio do caminho, e continuava inteira e protegida por meu mega guarda-chuva.
Minha última tentativa de fugir da chuva foi na Consolação. Enquanto esperava o farol abrir ameacei até fechar a “umbrella”, pisei na rua pra atravessar, lá vem mais uma nuvenzinha em cima de mim...
Meu, aí eu já desisti de tentar lutar...me entreguei!!!rs Era chuva de vento, então a minha calça estava toda molhada, fui atravessar toda delicada pra não molhar o tênis (sapato só no escritório...rs) e afundei meu pé até o tornozelo numa poça...senti a meia até sair bolhinhas dentro do tênis...
De repente nada mais adiantava, nem correr porque molhava mais...
A chapinha na peruca naquela altura já “elvis”...e o que tava liso foi ficando cabelo bandido (ou tá preso, ou tá armado).
O mais incrível foi que dessa vez eu não enrosquei meu guarda-chuva em nenhuma árvore e não acertei ninguém com ele...consegui fazer o trajeto todo, sem maiores danos.
Cheguei super atrasada no trabalho, toda molhada e completamente “desmontada”.
Ainda bem que não tinha nenhuma entrevista...
Sampa é assim...todas as estações do ano num dia só!


ps: fiquei bem parecida com a foto!!!

10 comentários:

Dani Antunes disse...

Amiga, eu tava falando com a Ma enquanto eu lia teu post (em voz alta, pra ela tb ouvir) e, para cada parágrafo, 9452.525 gargalhadas.
Juro! Falei bem assim pra ela: "Vc lembra láááá no outro Caraminholas.. daquele post do guarda-chuva (é sem hífen, mas eu quero que a reforma ortográfica se foda! hauhauhauhaha)? Lembramos, rimos e, segundos depois, vc falou no post!
Outra coisa: DE ONDE VC TIRA expressões como "cabelo bandido"?! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Não dá, cara... Não dá pra eu vir aqui sem derramar uma lágrima. Sério! =P

Parece que eu tô vendo vc no trânsito; seja com guarda-chuva voador, seja com água da chuva até a alma ou com motoboy tipo Gremilin... hauhahaua

Cada vez que eu leio essas coisas eu imagino: Em outubro ela tá aí! Cama, Dani! =P

Aliás, falta exatamente um mês pra sua chegada, hein?! Não vejo a horaaaa!!!! \o/

[Chega logooooo!!! hahahahaha]

Amooooooo vc!!!

Bj

Ma disse...

KKKKKKKKKKKKKKKKKK, o pior é que lembramos de um outro post lá do outro blog e rimos ainda
mais em off eu te relembro...
Cara esta do cabelo de elvis e de bandido foi tudo.
Aliás, adorei sua foto, KKKKKKKKKKKKKKKKKK!!!
Amo-te

luluonthesky disse...

Menina q caooooooooooooooos foi Sampa ontem?? Deu medo.. mto medo.
Big Beijos

Julis disse...

Alê, não sei se vc reparou na data: 09/09/09 é auto explicativo, em dias como eu penso que deveriamos ficar por lei dentro de casa

Rô Castro disse...

JÁ Fico imaginando sua figura, molhada como um pinto aliás são paulo deveria chamar-se São Pedro que tanta chuva é essa menina?! acho que não foi "aspicioso" vc sair, esse dia rsrs..

beijoos no coração!!

Engraçadinha disse...

Ai, ficou linda então!
Toda arrupiada!

Adorei o post! Pena q vc pagou o pato!

Bj.

Marco disse...

Que coisa, heim Alê... Se uma chuva dessas cai no Rio, é desgraça na certa.
Cheguei a ver o "filme" na minha cabeça de você, no temporal, com um baita guarda-chuva...
Carpe Diem. Aproveite o dia e a vida.

Anônimo disse...

Alê, fico imaginando a cena kkkkkkkkkk garota cuidado vc com o guarda chuva é um perigo adorei!
Beijo Andreza

J.F. disse...

Alê, que bom que você está novamente na blogosfera! Já "2 x linkei" seu blog lá no meu. (Eu ia dizer re-linkei, mas como não entendi direito esse negócio de com-hífen/sem-hífem, preferi ser criativo!). Ri muito de sua aventura na chuva, de suas aventuras no trânsito, até dos perfís dos candidatos que você entrevista. O Brasil estava precisando de seus "micos" e de sua alegria contagiante ap contá-los.
Abração.

disse...

Amiga tô aqui me acabando de tanto de rir do teu post,deve ter sido comico vc na rua com o guarda chuva.O Bom que vc chegou no serviço apesar de toda molhada.Amiga estaou de volta e com o blog atualizado.Bjus